O CÉU E A TERRA PASSARÃO?

 

ceus-e-terra-ifte-ae

Conhecedor da fraqueza e da malícia humana, Jesus quis nos deixar uma confortadora certeza que nos deve guiar ao longo dos séculos, a cada dia de nossa vida: “passarão o céu e a terra, mas as minhas palavras jamais’ (Mt 24, 35; Mc 13, 31; Lc 21 33).

Palavras de uma misericórdia extrema, própria a nos dar total segurança: assim como as leis naturais – a da gravidade, da velocidade da luz, por exemplo – não mudam, com a mesma certeza e confiança podemos nos apoiar nas leis morais e nos mandamentos, pois estes jamais poderão ser alterados. Quem assim prometeu, disse de Si mesmo: “Eu sou a Verdade” (Jo 14, 6).

Sobre um desses pontos, são esclarecedoras as palavras do Pe. Caio Newton de Assis transcitas a seguir.

Continue reading

A MEDIDA DE AMAR A DEUS

O Mons. João Clá, Fundador e Superior Geral dos Arautos do Evangelho, no texto que veremos a seguir, nos proporciona a solução de algo central em nossa vida.

Quase sempre, quando perguntamos a alguém se ama a Deus, a resposta é invariavelmente afirmativa. Porém, poucas vezes perguntamos a nós mesmos se O amamos de todo nosso coração, de toda nossa alma, como prescreve o próprio Deus. (Dt 6,5)

“A medida de amar a Deus é Continue reading

POR QUE DUVIDAMOS?

No ano de 1675 Santa Margarida Maria Alaquoque, freira no convento de Paray-le-Monial, na França, foi beneficiada com as aparições do Sagrado Coração de Jesus. Queria assim o Divino Mestre expressar de modo ainda mais marcante as imensidades de sua misericórdia para um mundo que, já então, precipitava-se no caminho que conduzia a atual situação em que nos encontramos.

Hoje, dia da comemoração do Sagrado Coração, é muito oportuno relembrar as palavras de Jesus que, se as ouvirmos, podem nos levar à confiança tão necessária nos atuais dias tão turbulentos.

Continue reading

Por trás das nuvens

O grande número de visitas e comentários ao primeiro post sobre a confiança [“Animar, esse dever urgente”, de 26 de setembro pp – Clique aqui para acessar o post], confirmaram a convicção que nos levou a começar esta série: para a maioria das pessoas hoje, uma grande necessidade é ter em que ou em quem confiar.

Prossigamos, portanto, nesse consolador empenho de termos sempre e cada vez mais confiança.

Continue reading

O panorama

O panorama era magnífico, especialmente na plácida luz matutina. O entusiasmo do humilde colono, a sua narração de pitorescos detalhes concorria para tornar a vista ainda mais agradável.

Era um desses panoramas do interior brasileiro, cuja amplitude parece falar de um grande porvir.

Continue reading